CAPS recebem visita técnica do CMS, CRF/PI e Sinfarpi e são autuados por irregularidades na dispensação de controlados

As atividades de dispensação de medicamentos oferecidas nos centros de Atenção Psicossocial (CAPS) Sul 2, Álcool e Drogas 2, Sudeste 2 e Sul 3 foram vistoriadas ontem (11/07) por  representantes do Conselho Municipal de Saúde (CMS), Conselho Regional de Farmácia e Sindicato dos Farmacêuticos no Estado do Piauí (Sinfarpi).  As visitas técnicas foram autorizadas pelo Ministério Público, acionado após denúncia feita pelo Sinfarpi de que a dispensação de medicamentos controlados se dá sem a presença de profissional farmacêutico.

Cerca de 60% dos CAPS da capital passaram pela vistoria e até o fim da semana, a equipe concluirá a vistoria nos demais. Segundo o presidente do Sinfarpi, Jeorgio Leão, a ação foi bastante proveitosa e mostrou a necessidade se ter presente o profissional farmacêutico durante todo o horário de funcionamento dos centros. “A dispensação de medicamentos é feita por auxiliares administrativos, não há procedimentos escritos, e não há nenhum controle de estoque e de temperatura do ambiente, não há orientação sobre o uso dos medicamentos, nem acompanhamento farmacoterapêutico dos pacientes. Verificamos também a existência de medicamentos vencidos. Tudo isso oferece risco à saúde dos pacientes e gera ônus para a prefeitura com aumento das internações por intoxicações”, relata.

Os centros foram autuados pelo fiscal do CRF/PI, Carlos José Furlan Pereira, que integrou a equipe da visita técnica. O auto de infração foi entregue aos coordenadores de cada setor para que as providências cabíveis sejam encaminhadas aos gestores responsáveis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *